Cães

Erlichiose – Doença do carrapato

Cães

A Erlichiose Canina é uma hemoparasitose causada pela bactéria Erlichia sp. Essa bactéria parasita, geralmente, os glóbulos brancos e as plaquetas que são células do sangue. Os glóbulos brancos são as células de defesa e as plaquetas são responsáveis pela coagulação sanguínea. Uma vez parasitada, o organismo não reconhece mais esta célula como normal, causando sua destruição. Essa destruição pode ser bastante acentuada e rápida, gerando sintomas agudos. Ou pode ser mais lenta e levar a uma doença de caráter crônico. Estas são de recuperação mais difícil.

É uma doença muito comum na rotina da clínica veterinária, principalmente devido ao fato de que os animais em sua maioria têm ou já tiveram carrapato, adquiridos das mais variáveis formas, como passeando na rua e no jardim de casa.
A transmissão entre animais se faz pela inoculação de sangue proveniente de um cão contaminado para um cão sadio, pelo intermédio do carrapato ou pela transfusão de sangue. Ao se alimentar do sangue do animal o carrapato injeta as bactérias diretamente na sua circulação.

Os sintomas da doença às vezes são muito inespecíficos, e podem ser bastante variados como: febre, falta de apetite, dor nas articulações, prostração, vômito, sangramento nasal, diarreia e etc.

Para evitar a erliquiose, o controle de carrapatos é essencial. Para isso, deve-se fazer o uso de produtos carrapaticidas próprios para espécie canina, em associação com banhos periódicos nos animais.

A erlichiose é uma doença que possui tratamento. E quanto antes começar melhor. Portanto qualquer alteração de comportamento consulte o médico veterinário de sua confiança, e mantenha seu animal sempre saudável!

Rayane Bifano
Graduada pela UFES
CRMV- 14886

Compartilhar